O Grupo Soma está fazendo um rollout agressivo das lojas da NV, a marca da blogueira, influenciadora, estilista e empresária Nati Vozza cuja aquisição o Soma fechou este ano.

A loja que a marca abriu no Shopping Leblon no início do mês faturou quase R$ 2 milhões em seus primeiros 12 dias de operação — ou cerca de R$ 18 mil/metro quadrado. Para efeito de comparação, uma “boa” loja de vestuário (de porte médio e localizada em shopping) tipicamente fatura R$ 3 mil/metro quadrado/mês.

Os números sugerem que a estratégia de explorar no mundo físico o poder digital da marca está se provando muito melhor que o esperado.

A NV já tinha cinco lojas — todas em São Paulo — quando o Soma adicionou a marca a seu portfólio.

Quase simultaneamente à estreia no Shopping Leblon, a NV abriu uma loja em Nova Lima, a cidade mais próspera da Grande Belo Horizonte. Com 200 metros quadrados, essa nova loja vendeu mais de R$ 500 mil nos primeiros cinco dias.

O Soma pretende abrir pelo menos mais quatro lojas até o final do ano: Village Mall e Rio Mar Recife (ambas até 30/7), Curitiba (no Pátio Batel, no fim de agosto) e Brasília (data e rede ainda indefinidas).

O plano de expansão prevê mais cinco lojas por ano nas principais cidades nos próximos cinco anos — todas no conceito flagship: com pelo menos 200 metros quadrados, sortimento completo e pontos de experiência da marca.