Aos 69 anos, Abby Joseph Cohen está se aposentando.

Com seu cabelo encaracolado e cara de vovozinha, a estrategista da Goldman Sachs se tornou a cara do bull market dos anos 90.

Desde 2017, Abby já vinha assumindo cada vez menos responsabilidades na Goldman, e ultimamente trabalhava mais como uma consultora sênior para clientes do banco. 

Abby entrou na Goldman em 1990 e virou sócia do banco oito anos depois. 

Em 1993, foi uma das primeiras analistas a prever o bull market dos anos Clinton. “A renda fixa vai performar bem, mas a Bolsa vai performar melhor,” ela disse na época. 

Era o início de um bull market histórico, e a previsão ajudou a construir sua reputação — numa era em que os analistas realmente faziam previsões e se tornavam celebridades. 

Mas Abby não previu nem o estouro da bolha da internet em 2000, nem a crise financeira de 2008.

A partir de janeiro, ela vai dar aula na Columbia Business School.