A BlackRock disse que os BDRs lastreados em seus ETFs iShares atingiram R$ 5,5 bilhões em ativos em novembro, um ano após começar a trabalhar este produto no Brasil.

(A CVM permitiu a emissão e negociação de BDRs lastreados em ETFs em setembro do ano passado.)
 
De lá para cá, a BlackRock já listou na B3 74 BDRs lastreados em ETFs iShares; destes, 45 estão disponíveis para o investidor comum, incluindo ETFs de países, regiões e setores como saúde, semicondutores, tecnologia, energia.
 
Além de investidores individuais, investidores institucionais e gestores de fundos cada vez têm utilizado BDRs de ETFs na construção de carteiras.