Bill Ackman, o gestor da Pershing Square, foi ao Twitter fazer um apelo a Donald Trump. O gestor exortou o presidente americano a “mandar todos para casa” numa grande ‘Spring Break’ (as férias escolares americanas no final da primavera).

Traduzimos o post:

“Senhor Presidente, a única resposta é fechar o país pelos próximos 30 dias e fechar as fronteiras. Diga a todos os americanos que você nos está colocando numa ‘Spring Break’ estendida em casa com a família. Mantenha apenas os serviços essenciais abertos. O governo deve pagar os salários até reabrirmos.

Ninguém fica inadimplente, ninguém retoma os bens dos devedores por falta de pagamento. Trinta dias sem pagar aluguel, juros e impostos para todo mundo.

O fechamento é inevitável, como já está acontecendo, mas não de uma forma controlada, o que está aumentando o dano econômico e amplificando a disseminação do vírus.

Com o crescimento exponencial, cada dia que adiamos o ‘shutdown’ custa milhares, e logo centenas de milhares e depois milhões de vidas, e destrói a economia.

Por favor, envie todos para casa agora. Com a sua liderança, podemos acabar com isso. O resto do mundo vai acompanhar. Uma ‘Spring Break’ global vai salvar a todos. 

Senhor Presidente, no momento em que você mandar todo mundo para casa para a ‘Spring Break’ e fechar as fronteiras, a taxa de infecção vai despencar, as Bolsas vão subir muito e as nuvens vão se dissipar. 

Precisamos da sua liderança agora.”

No final da manhã, o petróleo negociava ao preço mais baixo em 17 anos, e as Bolsas americanas caíam ao redor de 5%.