Ingressos de shows: em breve na Amazon

A Amazon quer começar a vender ingressos para shows, trazendo sua cada vez mais onipresente ‘disruption' para empresas como Ticketmaster, Ingresso.com e similares.

Segundo a Reuters, que soube dos planos da Amazon com exclusividade, Jeff Bezos vê o mercado de ingressos dos EUA como pronto para ser atacado.

"Os consumidores não gostam das taxas cobradas sobre os ingressos, e os donos das arenas, ligas esportivas e times querem mais distribuidores para poder aumentar as vendas,” disse a Reuters.

A agência diz que o acesso a ingressos poderia ser mais uma arma da Amazon para aumentar a atratividade da Amazon Prime, seu serviço de assinatura que dá direito a frete gratuito e outras vantagens. A Amazon também poderia aumentar as vendas, por exemplo, de espetáculos de música e times esportivos.

Quem mais teria a perder com este movimento, de imediato, seria a Ticketmaster, atualmente o vendedor exclusivo de ingressos para muitas arenas nos Estados Unidos.

As ações da Live Nation Entertainment, dona da Ticketmaster, sentiram o impacto (veja imagem abaixo).

Depois de chegar a subir 12,5% nesta quinta-feira por conta de um resultado trimestral forte, as ações da Live Nation devolveram quase todos os ganhos depois que a matéria da Reuters foi publicada. Mais tarde, recuperaram parte do território e fecharam em alta de 5,6%

A Reuters nota que qualquer concorrente terá que construir o mesmo relacionamento privilegiado que a Ticketmaster tem com donos de arenas, teatros, salas de concerto etc., e que a Amazon já vende ingressos para certos espetáculos no Reino Unido há dois anos, em alguns casos vendendo mais que a própria Ticketmaster. Segundo a agência, acordos de exclusividade nas vendas são menos comuns no Reino Unido.